11 setembro 2005

Sonoridades


Agora tá o véio Lula truando lá fora!!! Caba não, mundão!!!!(Suassuna)

O velho, quem saberá dizer, será/seria o cachorro do vizinho, o do mato de dentro, ou era uma alusão ao trovão de quem passarinhava pulando nas cercanias como quem quer descobrir o destino do sol que escafedeu-se, sumiu-se, tomou escuro, trovoou? Sabe-se também que não enxergava o vivente, escutar só de sentir com o corpo no chão o trem que passava, o som tectônico, sem forma ou origem, som do prisma na sola do sapato, angulosidades da lida, querem que sucumbas trancado na casa dos tios no meio da grota, a léguas de valparaiso ou de bom despacho, quem sabe minas ou cerrado, sertão, certamente, daqueles que os hérois da época cavalgavam e onde os meninos empinavam papagaio, ou derrubavam cercas de sobras das queimadas, jogando bola na lama em dia de chuva e trovão....

Um comentário:

Fred disse...

Good job! Your web log is outstanding If you are thinking of chinese vases Here you will find many chinese vases